Relações com Investidores
  • Recuperação Extrajudicial
  • |
  • |
  • Favoritos
  • MEUS DOWNLOADS ( 0 )

Histórico e Perfil Corporativo

Aumentar a fonte Diminuir a fonte Voltar Voltar Imprimir Imprimir Enviar por e-mailE-mail Criar PDFPDF DownloadDownload Favoritar Compartilhe Compartilhar

Missão

Prover serviços públicos de infraestrutura diferenciados e com qualidade, satisfazendo nossos clientes e tornando-se, assim, a companhia mais valorizada do mercado neste segmento de atuação.

Visão

Ser referência no mercado de serviços de infraestrutura, tendo como filosofia a inovação e o pioneirismo.

Valores

Estamos convictos de que para alcançarmos um desenvolvimento sustentável precisamos de:
  • Respeito ao ser humano
  • Respeito ao meio ambiente
  • Apoio às comunidades onde estamos inseridos
  • Inovação
  • Ética
  • Qualidade
  • Transparência
  • Tecnologia

Perfil Corporativo

A Triunfo, fundada em 1999, na cidade de São Paulo, é uma das principais empresas brasileiras do setor de infraestrutura, considerada pioneira por sua diversificação nos segmentos em que atua. Oferece serviços nos segmentos de concessão rodoviária, administração de aeroporto e energia. Por serem setores de fundamental importância para sustentar o crescimento econômico nacional, concentra investimentos nessas atividades para auxiliar no suprimento da demanda logística e energética brasileira. Com isso, a Triunfo contribui para o desenvolvimento do país.
 
A companhia possui cerca de 5 mil profissionais diretos e suas empresas estão localizadas em sete unidades federativas, nas regiões: Sudeste (São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais), Sul (Paraná e Rio Grande do Sul) e Centro-Oeste (Goiás e Brasilia – Distrito Federal). A sede da companhia fica na cidade de São Paulo (SP).
 
De capital aberto, a Triunfo está listada no Novo Mercado, o mais alto nível de Governança Corporativa da B3 (Brasil, Bolsa, Balcão) como TPIS3. A companhia possui participação integral ou relevante nos negócios em que atua, conforme segue:
 
Triunfo foi uma das primeiras empresas a assumir a concessão de uma rodovia no país, em 1995.
Atualmente administra 2140,5 km de rodovias e figura como uma das empresas de maior expressão nesse segmento, tanto em número de quilômetros administrados, quanto em receita e volume de tráfego. Nesse setor, a companhia administra cinco concessionárias de rodovias: a Concer localizada no Rio de Janeiro e Minas Gerais, a Triunfo Concepa, localizada no Rio Grande do Sul, a Triunfo Concebra que passa por Brasília (DF), Goiás e Minas Gerais, a Triunfo Econorte que administra 341 km de rodovias no Paraná e a Triunfo Transbrasiliana que é responsável por administrar 321 km da BR 153.
 
No setor de energia, a Triunfo detém participação de 50,1% da Tijoá, concessionária responsável pela operação da Usina Hidrelétrica Três Irmãos, no interior de São Paulo, com capacidade para gerar 807,50 MW.
 
Em aeroportos, a Triunfo integra a Aeroportos Brasil Viracopos, responsável pela ampliação e administração do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, pelo período de 30 anos. O aeroporto está projetado para receber 25 milhões de passageiros anualmente e é responsável por transportar 40% de toda carga aérea do país. 
 
Pensando no cuidado com o futuro de milhões de brasileiros a companhia criou o Instituto Triunfo, uma instituição sem fins lucrativos, que tem por objetivo promover ações focadas no desenvolvimento sustentável. 
 
A Triunfo foca sua estratégia na busca de negócios gerados pelo avanço e pelo aprimoramento da infraestrutura nacional, procurando sempre diversificar seu portfólio, com projetos bem estruturados e que resultem na geração de valor aos acionistas.

Histórico

prev

1999

Janeiro

  • Constituição da Triunfo Participações e Investimentos S.A.
  • Os ativos da Concepa, da Concer e da Econorte são repassados da Construtora Triunfo para a Triunfo Participações e Investimentos.

2001

Julho

  • Aquisição de 16,67% da Portonave S.A.

2002

Julho

  • Constituição da Rio Verde Energia.

2002

Dezembro

  • A Triunfo obtém o Registro de Companhia Aberta na CVM.

2005

Julho

  • A Triunfo adquire participação adicional na Econorte: passou de 25% para 50%.

2006

Dezembro

  • A Triunfo e a Construtora Triunfo realizam uma reorganização societária, com a separação total dos negócios das duas companhias.

2007

Maio

  • A Triunfo compra 33% da Portonave e passa a deter participação de 50%.

Junho

  • A Rio Verde vende a totalidade da energia da Usina Hidrelétrica (UHE) Salto, pelo período de 16 anos, para a Votener, empresa do Grupo Votorantim.

Julho

  • Início das obras de construção da Usina Hidrelétrica Salto (Rio Verde).
  • A Triunfo realiza sua oferta pública inicial (IPO, da sigla em inglês InitialPublicOffering) no segmento do Novo Mercado da BM&FBovespa.

Outubro

  • Início da operação da Portonave.

Novembro

  • A Triunfo adquire 50% das ações da Econorte e passa a deter 100% da empresa.

2008

Julho

  • A Triunfo compra área estratégica em Santos, que será destinada ao porto de mineração, novo negócio a ser administrado pela Vetria.

Outubro

  • A Triunfo adquire 30% das ações da Concepa e passa a deter 100% da empresa.

Dezembro

  • A Triunfo dá início ao programa American DepositoryReceipt (ADR, sigla em inglês para Recibo de Depósito de Ações), de nível I.

2009

Janeiro

  • Entrada em operação da câmara frigorífica da Iceport, subsidiária integral da Portonave.

Março

  • A UHE Salto/Rio Verde, é autorizada a ampliar sua capacidade instalada de 108MW para 116MW.

Outubro

  • A Triunfo adquire a embarcação Norsul Atlântico, para iniciar a operação no segmento da cabotagem, por meio da Maestra Navegação e Logística.

2010

Julho

  • A Companhia conquista o direito de explorar a Usina Hidrelétrica Garibaldi, em Santa Catarina, e constitui a Rio Canoas Energia S.A.

Agosto

  • Início das operações da Usina Hidrelétrica Salto (Rio Verde).

Dezembro

  • A Rio Canoas Energia assina o contrato de concessão com o Ministério de Minas e Energia.

2011

Novembro

  • Maestra inicia operação comercial.

Dezembro

  • A Triunfo, em conjunto com a Vetorial Participações e a ALL – America Latina Logística, cria a Vetria Mineração. 

2012

Fevereiro

  • A Triunfo venceu o leilão para expansão, manutenção e operação do Aeroporto Internacional de Viracopos (em parceria com a UTC Participações S.A. e a EgisAirportOperation).
  • A Triunfo adquire o direito de exploração de superfície sobre a área em que está situado o terminal da Portonaus.

Novembro

  • Início da gestão do Aeroporto Internacional de Viracopos pela concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, da qual a Triunfo possui 23%.

Dezembro

  • Constituição da Vetria Mineração S.A., com a participação de 15,8% da Triunfo.

2013

Agosto 

  • Entrada do BNDESPAR no Capital Social da Triunfo, com 14,8% de participação, através de aumento de capital no valor de R$330 milhões.

Setembro

  • Início da operação comercial da Rio Canoas, com 15 meses de antecedência do cronograma da ANEEL.

Novembro

  • Encerramento das atividades da Maestra.

Dezembro  

  • A Triunfo vence o leilão para administrar as BRs 060, 153 e 262 (DF/GO/MG).

2014

Setembro

  • Triunfo Concebra Inicia Operação nas BRS 060, 153 e 262.

Outubro

  • UHE Três Irmãos recebe licença de operação.

Novembro

  • Aquisição da Rodovia Transbrasiliana.

2015

Junho

  • Ínício de cobrança da Triunfo Concebra.

Agosto

  • Alienação dos Ativos de Energia - Rio Verde, Rio Canoas e TNE.

Setembro

  • Conclusão da Área de Expansão da Portonave.

Dezembro

  • Entrega da 4ª Faixa da Triunfo Concepa.
  • Instituto Triunfo é qualificado como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público).

2016

Março

  • Viracopos é eleito o melhor aeroporto de carga da américa latina no Air Cargo Excellence Awards.

Maio

  • Viracopos é eleito pela quarta vez melhor aeroporto do país na Avaliação dos Passageiros.

Agosto

  • A Portonave superou marca de 5 milhões de TEUs (unidade de medida equivalente a um contêiner de 20 pés) movimentados. O número contabiliza as movimentações realizadas desde o início da operação do Terminal, em outubro de 2007.

2017

Julho

  • O contrato de concessão da Triunfo Concepa foi prorrogado por mais um ano.
  • Triunfo Participações e Investimentos protocola dois Planos de Recuperação Extrajudicial. O Plano apresentado conjuntamente pela TPI e suas controladas Dable Participações Ltda., Maestra Serviços de Engenharia S.A., NTL – Navegação e Logística S.A. e Vessel-Log Serviços de Engenharia S.A. (“Plano de RE da TPI”) e o Plano apresentado pela Companhia de Concessão Rodoviária Juiz de Fora-Rio (“Plano de RE da Concer”).

Agosto

  • Viracopos é eleito pela quinta vez o melhor aeroporto do país na avaliação dos passageiros, pela pesquisa da SAC.

Outubro

  • Viracopos é eleito pela sexta vez o melhor aeroporto do país na avaliação dos passageiros, pela pesquisa da SAC.
  • Alienação da Portonave.

Novembro

  • Desfazimento da Vetria Mineração.

Dezembro

  • Aquisição do CTVias.

next

 

8 de Janeiro de 2018